Agência Minas Gerais | Minas Gerais tem a maior nota média por escola no Enem pelo terceiro ano consecutivo

Minas Gerais tem feito o dever de casa e se destacado no ranking nacional do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Pelo terceiro ano consecutivo, o estado conquistou a maior média por escola, alcançando 561 pontos em 2022, considerando as pontuações das provas objetivas e de redação. Os dados fazem parte da pesquisa “Análise da evolução e disparidades nas notas do Enem”, realizada pela startup de tecnologia educacional AIO Educação. O trabalho também aponta as unidades escolares da rede estadual de ensino mineira que figuram entre as maiores notas entre as escolas públicas do país que não realizam prova de admissão.

SEE-MG / Divulgação

Segundo o pesquisador Mateus Prado Henfil, um dos responsáveis pelo levantamento, Minas Gerais aparece em três pontos importantes. “Em 2020, 2021 e 2022, Minas foi o estado com a maior nota média por escola do Enem. É agora o estado que tem uma escola pública que não seleciona, ou seja, aquela que não realiza prova para admissão, com a maior nota. Além disso, entre as escolas privadas, Minas tem também uma escola particular com a melhor pontuação. O resultado é muito bom, animador, mas é importante que a gente trabalhe para que esses indicadores aumentem e que usemos os dados para chegar a resultados cada vez melhores”, ressalta Henfil. 

Os dados utilizados pertencem ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e constam na publicação da AIO Educação, pesquisa de autoria de Paulo Vivas, Murilo Vasconcelos e Mateus Prado Henfil. Os dados de desempenho do Enem, por escola, não são divulgados oficialmente pelo Inep há três anos.

Outro fator apontado pelos pesquisadores é que a região Sudeste detém a maior quantidade de instituições com bom desempenho no Enem. Notavelmente, desde 2020, Minas Gerais tem demonstrado um progresso significativo, sobretudo nos resultados da rede pública. 

Em Minas, entre as escolas públicas que não realizam provas de admissão, a de maior destaque está em Ipatinga, no Vale do Aço. A Escola Estadual Maurílio Albanese Novaes obteve média de 817 na redação e 625 geral. “Nota maior que muita escola particular”, ressalta o pesquisador. 

A notícia pegou a escola ipatinguense de surpresa. “É uma satisfação muito grande. A equipe trabalha muito em cima dessa matriz de referência, estruturando simulados, levantando as habilidades e competências necessárias. Há uma dedicação extrema de todos os professores das quatro áreas do conhecimento. Nós tivemos até uma nota mil na redação. Está sendo muito gostoso, é uma satisfação muito grande”, comemora a diretora, Edna Neves Paulino Magalhães.

A segunda melhor escola pública mineira (que não realiza prova de admissão) em média do Enem 2022 é a Escola Estadual Terezinha Pereira, de Dores do Turvo, pertencente à Superintendência Regional de Ensino de Ubá. A terceira melhor proficiência é a Escola Estadual Doutor José Augusto, de Entre Folhas, pertencente à Superintendência Regional de Ensino de Caratinga. 

SEE-MG / Divulgação

Ranking entre os estados  

Minas Gerais ficou com 561 pontos em 2022. São Paulo deixou o top 3 das melhores notas do país e, agora, figura na quarta posição, com uma média de 550. O Distrito Federal apresentou uma melhora significativa no último ano, passando de 546 pontos em 2021 para 560 no ano passado, segundo melhor desempenho do país. O Rio de Janeiro caiu uma posição, sendo o terceiro estado com a maior nota no exame: 554 pontos. No final da lista, com os desempenhos mais baixos, estão Amapá (500), Maranhão (496) e Amazonas (485).

Ações pedagógicas da SEE/MG

Esse resultado é fruto de diversas ações pedagógicas criadas pelo Governo de Minas, como o Material de Apoio Pedagógico de Aprendizagem (MAPA). Ele é um conjunto de materiais para apoiar o professor no fortalecimento do processo ensino-aprendizagem dos estudantes. O material foi elaborado pela Escola de Formação e Desenvolvimento Profissional de Educadores da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE-MG), e é um percurso composto pelo Currículo Referência de Minas Gerais, o Plano de Curso, Cadernos Mapa, o jornal Lupa, o Se Liga na Educação e o Plano de Aula do Professor, todos recursos a serem utilizados em sala de aula.

Outra importante ação de fortalecimento das aprendizagens voltada para o ensino médio é a formação de turmas para o Reforço Escolar que ocorre dentro da escola, fora do horário letivo. O professor planeja as aulas do reforço utilizando metodologias diferenciadas, com o objetivo de serem trabalhadas com os estudantes que não consolidaram as habilidades e competências para o seu ano de escolaridade. Além de pensar estratégias metodológicas que possam atender aos estudantes com diferentes necessidades e ritmos de aprendizagem. 

“Este é fruto de um trabalho que está amparado no Currículo Referência de Minas Gerais e a rede desenvolve diversas ações, principalmente as de fortalecimento das aprendizagens. Temos também materiais pedagógicos como o MAPA, que dá todo apoio e subsídio aos estudantes que realizarão a prova. Destaco, ainda, que ao longo do ano temos as teleaulas do Se Liga da Educação, que são específicas para o Enem e, também, nas escolas que possuem a educação integral é desenvolvido as aulas de tutoria que dão suporte ao estudante. Cada escola possui, ainda, sua proposta pedagógica com ações específicas para que o aluno se prepare, como intensivos, grupos de redações, entre outros”, ressalta a subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica da SEE-MG, Kellen Senra. 

Dar oportunidade a todos os estudantes de ingressar na universidade também é um dos objetivos do Governo de Minas. Desta forma, a SEE-MG, em parceria com a Rede Minas, exibe o cursinho de Pré-Enem do Se Liga com conteúdos voltados para o exame. O programa consiste em aulas exibidas na TV aberta e é um reforço para os estudantes da rede estadual de ensino. Durante 24 horas, estudantes, professores e gestores podem acompanhar conteúdos preparatórios. As aulas são exibidas, por meio do subcanal da TV pública mineira, recurso da TV digital que possibilita a transmissão de programações distintas em um mesmo canal, que conta também com disponibilização das aulas via streaming no site do programa.

A programação está ainda mais especial nas semanas que antecedem à prova. No início de outubro foi exibido uma discussão, no formato mesacast, sobre dicas para realização da prova. Outros dois estão previstos, nos dias 20 e 27/10, com discussões sobre ciência, inovação, arte, consumo e técnicas de redação. Além disso, nos dias das provas, 5 e 12/11, será feita uma cobertura ao vivo, com os principais destaques. 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *