IFSP marca presença na 3ª Semana EPT – IFSP

Evento aconteceu em Brasília de 16 a 22 de setembro

 

O Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), promoveu entre 16 e 22 de setembro a 3ª edição da Semana Nacional da Educação Profissional e Tecnológica, em Brasília. A feira contou com seminários, exposição de projetos e pesquisas das instituições de educação profissional e tecnológica, além de oficinas e apresentações culturais. O IFSP esteve presente com vários projetos desenvolvidos por servidores e estudantes. 


Projetos de Indicação Geográfica (IG)

O IFSP, juntamente com o Ifes, coordena um programa nacional junto à Setec/MEC para desenvolvimento de mais de 60 IGs no Brasil. Estiveram presentes na feira, os coordenadores sistêmicos Eder Sacconi, Andreia Cerizza, Raquel Manhani e Vanessa Soares e o  professor Gilson Marcomini, que coordena o projeto de IG da Jabuticaba de Casa Branca — um dos projetos apoiados pelo programa. Também estiveram presentes Priscila e Gustavo, da Associação dos Produtores de Jabuticaba e Derivados de Casa Branca, expondo diversos produtos elaborados a partir da jabuticaba. 

Na oportunidade, a Inova apresentou resultados gerais da ação e alguns passos futuros, como a criação de um quarto eixo com fins de internacionalização das IGs, aproveitando da aproximação realizada com a orIGin (Organization for an International Geographical Indications Network).

IndicaoGeogrficadaJabuticabadeCasaBranca

Indicação Geográfica da Jabuticaba de Casa Branca

IndicaoGeogrficadaJabuticabadeCasaBranca1

Indicação Geográfica da Jabuticaba de Casa Branca


Mostra de Projetos 

Por meio de chamada promovida pela Inova, foram expostos projetos desenvolvidos sob orientação do professor Edson Anício Duarte. Estiveram presentes no evento, os estudantes Thaís Cristina Santos Pires, Vittória Garcia da Silva, Efraim Eliel Alves Silva, Maria Eduarda Pereira da Paixão, Letícia Petitto, Isadora Alves dos Santos, Gabrielly Andrade Garcia Rodrigues, Nathanael de Santana Oliveira, Maira Beatriz Linhares e Giovana Rocha Santos.  Foram demonstrados os seguintes projetos:

TECSoro Solução Tecnológica na Medicação intravenosa

Este projeto é o desenvolvimento de uma caixa fabricada em plástico via impressão 3D para cobrir o soro ou outros medicamentos médicos em hospitais com temática baseadas em super-heróis, princesas, ou outros temas infantis e do cinema. A caixa possui uma janela de inspeção para observar o fim do medicamento sem ter que abri-la. 

WINDOW ALERT: Monitoramento de Portas e Janelas de edificações a baixo custo via IoT

Este projeto é o desenvolvimento de um protótipo para o monitoramento a distância de portas e janelas de edificações utilizando microcontroladores da plataforma ESP8266. A proteção desses locais é importante para alertar a vigilância da área a ser protegida de possíveis invasões; do ponto de vista operacional, o sistema alertará a vigilância quando as janelas são esquecidas abertas. A base supervisória indica quais janelas e portas estão abertas ou fechadas e é um sistema sem fio.

AID TECH! Dispositivo Microcontrolado de auxílio a acamados utilizando o protocolo de Manchester 

Trata-se de uma tecnologia assistiva para sinalizar aos cuidadores de idosos ou pessoas acamadas o nível de urgência da solicitação de chamada dos seus pacientes baseado no protocolo de Manchester, adaptado em apenas três níveis: urgente, pouco urgente e não urgente. O protótipo é portátil, alimentado à bateria, tem baixo custo por utilizar materiais acessíveis, assim pode ser multiplicado e fabricado em ambientes maker.

Calorímetro de Baixo Custo para uso em Laboratório de Ciências com IoT

Este projeto é o desenvolvimento de um calorímetro de baixo custo, associado à plataforma Arduino para controle de funções e recolhimento de dados para aplicar em experimentação remota. A sua utilização é voltada para a prática experimental, a automatização de laboratórios didáticos, com vista na inovação, interdisciplinaridade e contextualização, potencializando a aprendizagem dos conceitos físico-químicos, tornando as aulas atraentes e motivadoras. 

AID health diabetics: sistema portátil para conservação de insulina

Este é um desenvolvimento de uma tecnologia para auxiliar e facilitar o transporte e refrigeração do medicamento insulina. O protótipo é portátil e mantém o medicamento entre uma temperatura de 2ºC a 8ºC. As pessoas que precisam fazer o uso diário do fármaco e normalmente não possuem condições adequadas para o armazenamento, quando estão fora de suas residências, são o público-alvo. Atualmente, o equipamento está operacional e já atinge as temperaturas desejadas e com o controle ativo.

Ventilador inteligente inclusivo

A solução é um dispositivo eletrônico que controla um ventilador convencional e um sistema umidificante por meio de um aplicativo de forma inclusiva, que proporciona um conforto térmico ao usuário, atendendo a grupos específicos e se tornando inclusivo.

TECSoroSoluoTecnolgicanaMedicaointravenosa

TECSoro Solução Tecnológica na
Medicação intravenosa

WindowAlert_MonitoramentodePortaseJanelasdeedificaesabaixocustoviaIoT

Window Alert_ Monitoramento de Portas e
Janelas de edificações a baixo custo via IoT

foto_materia

AID TECH! Dispositivo Microcontrolado de auxílio a
acamados utilizando o protocolo de Manchester

CalormetrodeBaixoCustoparausoemLaboratriodeCinciascomIoT

Calorímetro de Baixo Custo para uso em
Laboratório de Ciências com IoT

AIDhealthdiabetics_Sistemaporttilparaconservaodeinsulina

AID health diabetics_ Sistema portátil para
conservação de insulina

Ventiladorinteligenteinclusivo

Ventilador inteligente inclusivo


Outros Projetos com Apoio da Setec/MEC 

Iniciação Tecnológica

A professora Vera Lucia da Silva, do Câmpus Suzano, apresentou resultados do projeto de iniciação tecnológica, aprovado no Edital 88/2022 da Setec, intitulado: Iniciação tecnológica e ao ensino de programação para alunos do fundamental II, utilizando kits de Arduino e Scratch. O projeto desenvolve a inclusão tecnológica e o ensino de lógica de programação para alunos do ensino fundamental II de escolas públicas com metodologias ativas e ferramentas de apoio, como Scratch, Tinkercad, Hora do Código, Arduino IDE, kit de robótica com a Plataforma Arduino, kits Avançados Arduino e Cultura Maker.

 

Iniciacao_tecnologica_e_ao_ensino_de_programacao_para_alunos_do_fundamental

Iniciação tecnológica e ao ensino de programação para alunos do fundamental

Rede_Anires

Rede Anires

Foram apresentados resultados e reflexões do trabalho desenvolvido em parceria por IFSP, IFRJ, IFF, CEFET/RJ e IFES. A representante do IFSP no Arranjo Anires, Ana Paula Damasceno de Brito, destaca a importância da participação no Arranjo e da realização das parcerias. Segundo ela, o Arranjo foi constituído para otimizar as respostas às demandas que surgem nos Núcleos e Agências de Inovação, que neste momento precisam de ações para minimizar os gargalos que as instituições ainda não conseguem resolver.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *