CDHU e BNDES realizam visita técnica para requalificação total da área da antiga Estação Ferroviária de Sorocaba – Agência de Notícias

A Prefeitura de Sorocaba e a Agência Metropolitana de Sorocaba (AGEM) acompanharam, nesta segunda-feira (30), representantes da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) e do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social), em visita técnica à área da antiga Estação Ferroviária de Sorocaba, localizada no Centro, que há décadas se encontra abandonada e que será beneficiada com grandioso projeto de valorização do patrimônio imobiliário e requalificação urbana.

O intuito da visita técnica foi de apresentar detalhes da área e o perímetro desse território aos representantes da CHDU e do BNDES, que participaram, no último dia 2 de outubro, da assinatura do acordo de cooperação para planejamento do projeto inovador. Em seguida, a CDHU fará o levantamento topográfico da área para o desenvolvimento do projeto.

O instrumento formal, que estabelece a parceria entre a Prefeitura de Sorocaba, o Governo do Estado de São Paulo, a AGEM, a CDHU e o BNDES, vai permitir o estudo econômico e financeiro de todos os equipamentos que irão compor esse importante projeto de desenvolvimento urbano na região central da cidade.

Essa área da antiga Estação Ferroviária de Sorocaba será completamente transformada, a partir do projeto do Trem Intercidades, que está sendo desenvolvido pelo Governo do Estado, para o transporte de passageiros entre Sorocaba e São Paulo. A estimativa é que o leilão do Trem Intercidades ocorra em 2025. O espaço se tornará um importante polo de cultura, turismo e lazer, respeitando o patrimônio histórico na conservação dos galpões tombados e, ainda, com investimentos, por meio de parceria público-privada, em programas habitacionais em outros espaços da área.

A visita técnica contou com a participação do secretário municipal de Cultura (Secult), Luiz Antonio Zamuner; servidores da Secretaria de Cultura, Secretaria da Habitação e Regularização Fundiária (Sehab) e da Secretaria de Governo (Segov); mais o subsecretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Habitação, José Police Neto; a diretora de Planejamento e Desenvolvimento Urbano da CDHU, Maria Claudia Pereira de Souza; a superintendente de Planejamento e Operações da CDHU, Monica Rossi; o assessor especial de planejamento da CDHU, Eduardo Trani; o gerente do BNDES, Maurício Cardoso; a diretora técnica adjunta da AGEM, Cilene Bordezan; o diretor adjunto da AGEM, Octávio Christófano, e a assessora técnica da AGEM, Sandra Lanças.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *