Prefeitura de Cuiab | Secretaria de Cultura parceira do Festival Multicultural Arte Nordestina

A Praça Santos Dumont, em Cuiabá, será palco do Festival Multicultural Arte Nordestina, que terá início nesta sexta-feira (10), a partir das 18h. A Prefeitura de Cuiabá, através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer,  participa como parceira desse evento que busca reunir, ao longo de dois dias (10 e 11), elementos marcantes da arte, cultura e gastronomia. Trata-se de uma celebração gratuita aberta a toda a população, apresentando o que há de melhor na gastronomia, artesanato e expressões artísticas.

A festividade contemplará comidas típicas do Nordeste, tais como Acarajé, Cuscuz, Baião de Dois, Tapioca, entre outras iguarias. O evento não apenas oferecerá um panorama do artesanato característico da região nordestina, mas também proporcionará uma imersão na cultura local e nas manifestações artísticas.

“Buscamos sempre estabelecer parcerias que promovam a valorização da arte e cultura, além de destacar os espaços públicos, como a Praça Santos Dumond, um dos locais emblemáticos de nossa capital”, ressalta o secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Aluízio Leite.

Além das apresentações de forró e outros ritmos da música nordestina, com a participação de diversos artistas e bandas, o festival oferecerá atrações como espaço kids, uma feira gastronômica com pratos típicos do Nordeste e uma exposição de empreendedores da economia criativa.

As atividades do evento ocorrerão na sexta-feira, dia 10 de novembro, das 18h às 23h, e no sábado, dia 11 de novembro, o festival se estenderá das 17h às 22h. O Festival Multicultural Arte Nordestina é uma realização do Instituto Elevar e da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, em colaboração com a Prefeitura de Cuiabá, através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer.

 

Promovido pelo Instituto Elevar e em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, o festival presta uma homenagem ao povo nordestino que reside em Cuiabá.

Segundo dados da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), mais de 40 mil nordestinos atualmente vivem no estado, sendo 28 mil apenas na capital. Com suas tradições e costumes, muitos desses elementos se integraram à cultura mato-grossense.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *