Prefeito protocola projetos do organograma e do Plano de Cargos e Carreiras na Câmara Municipal – Prefeitura Municipal de Bonito

O prefeito Josmail Rodrigues, acompanhado do secretário de Governo, Jary Neto e do procurador jurídico do Município, Osmar Prado, protocolou na manhã desta sexta-feira (1º), na Câmara Municipal, os projetos de Lei que instituem o novo Organograma e o Plano de Cargos e Carreiras para os servidores públicos municipais de Bonito. Na ocasião, oito, dos onze vereadores receberam o prefeito e participaram de uma breve apresentação dos projetos.

“Esses projetos são muito importantes para os servidores, demanda antigas, o organograma está defasado há anos e não condiz com a realidade do município. A população cresceu de mais e consequentemente as demandas do Poder Público também. Já o Plano de Cargos e Carreiras trará dignidade ao trabalhador, garantindo não apenas, acréscimos progressivos no salário, conforme desempenho, como também a certeza de uma aposentaria digna. Então meu pedido é que analisem os projetos com carinho e agilidade. Convoquem os servidores no dia da votação, para que estejam cientes de tudo e vamos sancioná-los o mais breve possível”, disse o prefeito, ao reforçar também o agradecimento a todos os parlamentares.

A nova Lei de Divisão Administrativa busca trazer maior eficiência e dinamismo a estrutura de gestão municipal, preparando o Município para as próximas décadas e trazendo uma definição atual e adaptada à realidade das atribuições das áreas e repartição de competências dos órgãos da municipalidade.

Além disso, o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos do Quadro Geral dos Servidores do Município de Bonito é uma ferramenta que serve tanto aos gestores públicos quanto aos servidores, pois direciona as ações de gestão de pessoas e garante o conhecimento dos requisitos necessários para o exercício dos cargos, consubstanciado em suas competências.

“Foram meses de estudo, conversando com cada secretário, com os representantes de cada setor, fizemos a Audiência Pública, ouvimos os servidores diretamente e enfim conseguimos concluir esse projeto, que foi pensado para atender a demanda do município a curto, médio e longo prazo, ou seja, pensamos na organização da máquina pública para pelo menos dez anos, com isso sugerimos cargos, por exemplo, que não serão preenchidos agora, mas que podem ser necessários conforme a cidade se desenvolve, principalmente em relação ao Meio Ambiente, com isso, se daqui há 5 ou 10 anos, o gestor entenda que precisa contratar um Engenheiro Ambiental, por exemplo, ele poderá abrir um concurso e preencher a vaga, sem necessidade de criação de novas leis para isso”, detalha o secretário de Governo, Jary Neto.

“Entendemos a importância desses projetos para os servidores e para a nossa cidade, uma vez que várias classes serão beneficiadas, recebendo salários dignos e a segurança de uma boa aposentadoria, o que fará também com que tenham maior segurança para investir e consequentemente, movimentar e fortalecer a economia, por isso nos comprometemos a analisar cuidadosamente cada projeto e votá-los o mais rápido possível”, finalizou o presidente da Casa de Leis, André Luiz Ocampos.

Os projetos de lei serão analisados pelos parlamentares, para serem votados e posteriormente, após aprovação, sancionados pelo prefeito.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *