Samu Regional conquista 2º lugar em prêmio nacional do SUS

Sheila Faria


Secretaria de Saúde

O Samu do Alto Vale do Paraíba conquistou o 2º lugar do Prêmio CriAção SUS 2023 – Inovação na Gestão Pública. O projeto “Melhoria no Processo de Medicação do Samu” concorreu com 400 trabalhos inscritos em todo o país. 

A premiação dos 5 melhores trabalhos foi divulgada nesta sexta-feira (8), em evento em Brasília, na sede da Opas (Organização Pan-Americana de Saúde), com os 15 finalistas.

“Ficamos felizes com a segunda posição entre os melhores trabalhos do país. A premiação ressalta a importância do Samu 192 Regional do Alto Vale do Paraíba na busca contínua por qualidade, segurança e eficácia no atendimento aos pacientes da rede pública”, disse Rodrigo Faria, gerente de enfermagem do Samu Regional.

Um dos critérios levados em conta pelos avaliadores do prêmio foi a possibilidade de implantação dos projetos premiados em outros serviços públicos de saúde do Brasil. O Samu Regional, do qual São José dos Campos faz parte, concorreu na categoria Pré-hospitalar. 

O Projeto

O projeto do Samu foi desenvolvido por uma equipe multidisciplinar, que reuniu enfermeiros, farmacêutica e médicos, definindo novos protocolos que melhoram a eficiência e a segurança na medicação de pacientes no primeiro atendimento antes de eles chegarem ao hospital.

Entre os procedimentos implantados estão a dupla checagem de medicamentos documentada em prontuário pré-hospitalar, controle de temperatura dentro da viatura e identificação de seringas usadas especialmente para sedação e alguns atendimentos específicos.

O Prêmio

O prêmio é idealizado pelo Ibross (Instituto Brasileiro das Organizações Sociais de Saúde) em parceria com o Instituto Ética Saúde, Conselho Nacional de Secretários de Saúde e Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde).

O CriaAção SUS coincide com os 35 anos da criação do Sistema Único de Saúde no Brasil.

O Samu do Alto Vale –que atende São José dos Campos, Caçapava, Igaratá, Jacareí, Jambeiro, Paraibuna e Santa Branca– é mantido pelas prefeituras e administrado por meio de um contrato de gestão entre a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina) e o Consavap (Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto do Paraíba).


MAIS NOTÍCIAS

Secretaria de Saúde

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *