Agência Minas Gerais | Governador acompanha apresentação da bateria do bloco Leão da Lagoinha

O governador Romeu Zema e o secretário de Estado de Cultura e Turismo (Secult), Leônidas Oliveira, acompanharam, nesta terça-feira (23/1), a apresentação da bateria do bloco Leão da Lagoinha, o primeiro fundado em Belo Horizonte, em 1947. O encontro foi realizado no Centro Cultural Nosso Grito, no bairro Santo André, próximo à Pedreira Prado Lopes, na capital. Em seguida, o governador e o secretário visitaram a comunidade, berço do samba de BH.

Na oportunidade, o presidente do Bloco Leão da Lagoinha, Jairo Nascimento Moreira, agradeceu o apoio do Governo de Minas ao Carnaval de BH. “É a primeira vez, em mais de 70 anos, que um governador visita nossa comunidade. O último foi Juscelino Kubitschek. Fico muito grato. O investimento do governo garante mais geração de empregos”, ressaltou Moreira, destacando também que as ações desta gestão estão revolucionando a cultura no estado.

Léo Bicalho / Secult

No carnaval de 2023 e também agora em 2024, o Leão da Lagoinha foi contemplado nos editais organizados pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) para fomentar o trabalho dos artistas. Além disso, a Cemig, em parceria com o Governo de Minas, lançou o edital Carnaval da Liberdade Cemig 2024, um incentivo de R$ 5 milhões para projetos artísticos com temática carnavalesca também aprovados na Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

A medida atende às demandas de agentes culturais de todo o estado e representa uma importante ação de descentralização de recursos para a folia em Minas. A importância da valorização dos realizadores e da estruturação do Carnaval foi ressaltada pelo governador Romeu Zema, que confirmou a continuidade de apoio nos anos seguintes.

“Em 2023, tivemos a maior festividade natalina em Belo Horizonte e também a maior festa de passagem de ano. Vamos ter, em 2024, um Carnaval inesquecível, o maior de todos os tempos. A festa engrandece o nosso espírito, coloca nossa moral pra cima, cria empregos, divulga nosso estado, atrai turistas, movimenta a economia criativa. O Governo do Estado dará total apoio, não somente neste ano, como nos próximos também”, ressaltou.

Carnaval da Liberdade

Neste ano, pela primeira vez, o Carnaval de Belo Horizonte também terá um sistema de sonorização, que possibilitará a qualificação da experiência tanto para os artistas quanto para o público durante a folia. A iniciativa é do Governo de Minas e conta com o investimento de R$ 4,5 milhões, por meio do patrocínio da Cemig e da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), via Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

O secretário Leônidas Oliveira também destacou a relevância do fomento aos artistas que movimentam a cena e impulsionam o Carnaval no estado. “Eu e o governador fizemos um compromisso com os blocos de tornar o carnaval em uma política de Estado. Já estamos cumprindo. Essa é a segunda vez na história que o Governo de Minas Gerais apoia a festa. O Carnaval é turismo que gera emprego, renda, e que gera algo importantíssimo, a felicidade”, pontuou.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *