Programa Amigos da Praia finaliza atividades do verão no Busto de Tamandaré

O programa Amigos da Praia finaliza as atividades do verão neste sábado (10), no Busto de Tamandaré, contemplando a orla de Tambaú e Cabo Branco. A ação educativa executada pela Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur), em parceria com diversas secretarias municipais, incentiva a adoção de práticas de sustentabilidade desde o início de janeiro, tendo passado pelas praias do Bessa, Manaíra, Seixas e Penha.  

“Retornamos ao Busto de Tamandaré, que foi onde começamos a edição 2024 do programa, que executamos pelo terceiro ano consecutivo da gestão do prefeito Cícero Lucena. Percorremos todo o Litoral pessoense orientando as pessoas sobre a proteção ambiental e percebemos uma boa receptividade da população. Nosso trabalho tem sido um sucesso”, destaca o superintendente-executivo da Emlur, Igo Morais.  

Os agentes ambientais e de fiscalização conversam com os frequentadores das praias sobre o descarte adequado de resíduos. “Eles entregam uma sacolinha biodegradável para as pessoas colocarem as embalagens dos produtos que consumirem e depois descartarem nas lixeiras ou contentores da orla”, explica Igo Morais.  

Além disso, há entrega de sacolinhas de câmbio a motoristas, nos semáforos das vias ao redor, para que as pessoas não descartem resíduos pela janela dos veículos. Também é feita abordagem aos comerciantes, para que disponham de coletores de resíduos em seus estabelecimentos, seja próximo da calçadinha ou na faixa de areia, e que separem os resíduos entre secos (recicláveis) e úmidos (orgânicos).

Subterrâneos – A Emlur disponibiliza próximo ao Busto de Tamandaré coletores subterrâneos para a coleta seletiva de resíduos, sendo um para resíduos secos e dois para resíduos úmidos. Por fora, os equipamentos são coletores comuns, mas os resíduos descartados neles caem a uma altura de 2,20 metros, sendo acondicionados em outros coletores, com capacidade de armazenamento de 1,6 metro cúbico.  

Na coleta, os agentes de limpeza elevam a plataforma subterrânea com os contentores, eletronicamente, por meio de dispositivos hidráulicos. Os coletores são conectados ao caminhão compactador, que recolhe os resíduos úmidos. Os resíduos secos são recolhidos por outro caminhão. O modelo teve início pelo Cabo Branco e deve se estender até Tambaú.  

O programa Amigos da Praia conta com o apoio das secretarias de Meio Ambiente (Semam), Turismo (Setur), Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Saúde (SMS), Educação (Sedec) e de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP).  

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *