Passageiros aprovam rota aérea São José-Rio

José Roberto Amaral


Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

Passageiros que utilizaram os primeiros voos diretos entre São José dos Campos e Rio de Janeiro aprovaram a nova opção de deslocamento entre as duas cidades. 

Ao descer no Aeroporto Internacional Tom Jobim – RIOgaleão, os passageiros também terão a opção de conexão para mais de 20 destinos nacionais oferecidos pela GOL Linhas Aéreas, responsável pela operação iniciada na quarta-feira (27). 

Morador de São José dos Campos, Tiago Andrade José retornou à cidade com a esposa e os dois filhos no voo inaugural depois de passar alguns dias com a família no Rio de Janeiro. 

“O voo é rápido, confortável, muito bacana voltar a sua cidade natal sabendo que teremos essa opção a partir de agora. Vai facilitar bastante, não somente para os moradores de São José, mas para todos do Vale do Paraíba”, afirmou ele. 

Mariana Tozetto é joseense, mas trabalha atualmente no Rio de Janeiro. Para ela, o voo direto entre as duas cidades vai significar mais comodidade para visitar os familiares. 

“O deslocamento do Rio parece que não é longe, mas de ônibus ou de carro demora bastante e chega a ser cansativo. Vai ser ótimo ver a família no final de semana utilizando o voo.” 

Dias e horários 

Segundo a GOL, a nova rota São José dos Campos-Rio de Janeiro permitirá aos passageiros o acesso rápido e cômodo à capital fluminense, com apenas 1 hora e 5 minutos de deslocamento. 

Serão três frequências semanais diretas, de ida e volta. Os voos partirão de São José sempre às 6h20, às segundas, quintas e sábados, com chegada ao RIOgaleão às 7h25. 

Os voos provenientes do Rio de Janeiro decolam do RIOgaleão às 21h55, pousando em São José dos Campos às 23h, sempre às quartas, sextas e domingos. As aeronaves utilizadas serão o Boeing 737-800, com capacidade para 186 passageiros. Os dois primeiros voos operaram com cerca de 80% da lotação. 

Em julho, durante as férias escolares, a GOL também vai oferecer voos diretos para Salvador (BA) saindo de São José, com três frequências semanais. 

Os bilhetes para os voos podem ser adquiridos no site da companhia aérea e em agências de viagem. 

Deslocamento entre as duas cidades é feito em 1 hora e 5 minutos | Foto: Cláudio Vieira/PMSJC

Comemoração 

O voo inaugural, que marcou a retomada da operação comercial de passageiros no aeroporto de São José, foi precedido por um evento organizado pela concessionária SJK Airport no saguão do terminal. 

Cerca de 200 convidados, entre eles o vice-governador Felicio Ramuth, o secretário estadual de Turismo e Viagens, Roberto de Lucena, empresários e autoridades municipais participaram da comemoração. 

Para o vice-governador, o processo de municipalização do aeroporto em 2020 e a subsequente concessão foram fundamentais para viabilizar a retomada dos voos de cargas e passageiros. 

“Recentemente, o Governo de São Paulo reduziu o ICMS para o combustível de aviação, o que permitiu que aeroportos, como o de São José, se tornem competitivos para receber voos e ampliar sua operação”, afirmou Felicio. 

A direção da GOL também ressaltou os esforços conjuntos da SJK Airport, Prefeitura de São José dos Campos e Governo de SP, que permitiram iniciar a operação da companhia aérea na cidade. 

“Com muito orgulho, nós inauguramos hoje o mais novo destino doméstico da GOL, São José dos Campos, um importante passo da companhia em seu processo de expansão regional, ligando um dos mais pujantes municípios paulistas a um dos principais cartões postais do Brasil”, afirmou Renata Fonseca, Chief Legal Officer e diretora executiva de Relações Institucionais e Governamentais da GOL. “É o resultado do esforço conjunto para atender sob medida os clientes que viajam a lazer, fomentando o turismo em ambas as pontas, e a trabalho, com comodidade e segurança.”

Evento que marcou a retomada dos voos contou com a presença de autoridades | Foto: Cláudio Vieira/PMSJC

Concessão 

A administração do Aeroporto Urbano Stumpf, de São José dos Campos, está concedida à empresa SJK Airport desde novembro de 2022 por um período de 30 anos. A previsão é que sejam investidos até R$ 130 milhões no terminal. 

A concessão do aeroporto faz parte do Plano de Gestão 2021-2024 e integra o PPI (Programa de Parcerias de Investimentos). O objetivo é dinamizar o uso do terminal, com a retomada e ampliação de voos regulares de carga e passageiros. 


MAIS NOTÍCIAS

Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *