RioFilme lança novo Observatório do Audiovisual Carioca – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro

A RioFilme, órgão da Secretaria Municipal de Cultura, lançou o novo Observatório do Audiovisual Carioca, desenvolvido a partir da plataforma SIURB (Sistema de Informações Urbanas), do Instituto Municipal de Urbanismo Pereira Passos (IPP), que é uma ferramenta estratégica que mapeia dados no Rio de Janeiro e traz números e gráficos essenciais à atividade, com detalhes importantes para pensar assertivamente as melhores estratégias de investimentos e a promoção da cidade como destino cinematográfico internacional. O Observatório do Audiovisual Carioca está disponível no site da RioFilme.

Além dos dados já disponibilizados, a RioFilme está preparando também o mapeamento da estrutura do audiovisual disponível no Rio de Janeiro. Na área do site dedicada ao Mercado Audiovisual Carioca, que está em construção, ficarão as informações estratégicas para o setor, como número de produtoras em atividade na cidade, proporção do mercado por segmento e outros índices fundamentais para entender o cenário e prospectar estratégicas voltadas ao crescimento do mercado do Rio de Janeiro.

Evolução do investimento da Prefeitura do Rio no Audiovisual Carioca

O Observatório do Audiovisual Carioca traz dados importantes sobre as atividades de fomento da Prefeitura do Rio, por meio da RioFilme, nos últimos anos. A ferramenta mapeou os valores investidos pela empresa e o número de projetos financiados, entre outras informações.

Sobre os valores investidos, em 2022 a empresa investiu R$ 55 milhões de reais, mais que o dobro de 2021, primeiro ano dessa gestão, quando a RioFilme se concentrou na reestruturação da empresa e investiu R$ 24 milhões no audiovisual carioca.

O número de propostas beneficiadas pelos editais também teve índices a comemorar: em 2022, a RioFilme investiu em 145 projetos, marcando também um recorde na história da empresa. O número de projetos contemplados representou quase o dobro de 2021, com 74 propostas beneficiadas.

Além dos valores investidos e do impacto que as ações da empresa tiveram sobre o mercado audiovisual na cidade, o Observatório traz também os resultados das políticas afirmativas da RioFilme, com dados gratificantes sobre a diversidade gerada pelos programas de pontuações adicionais dos editais, direcionados para grupos minorizados por questões de raça, gênero e IDH.

Observatório mostra que o Rio é uma das cidades mais filmadas do mundo

O Relatório Film in Rio, que está no Observatório, revela números a serem comemorados sobre as filmagens no Rio de Janeiro. Em 2022, o município autorizou 7.174 diárias de filmagem: uma média de 19 equipes gravando na cidade por dia. Este ano, já foram 6.479 diárias autorizadas até o mês de outubro, segundo dados da Rio Film Commission.

Os dados registrados pela Rio Film Commission em 2022, relativos à quantidade de filmagens na cidade e números de obras realizadas tendo o Rio como cenário, são comparados aos de cidades como Madri, Paris e Lisboa, revelando o Rio de Janeiro como uma das cidades mais filmadas do mundo.

Há outras informações interessantes para entender o perfil das filmagens na cidade, como a região mais filmada (Zona Sul está na frente, seguida das zonas Norte e Oeste) e os bairros e ruas que mais receberam equipes de gravação. Nesse caso, o Centro lidera com 323 diárias autorizadas pela Rio Film Commission em 2023, seguido de Barra da Tijuca, com 155, e Flamengo, com 84.

A ferramenta mapeou também a origem das equipes que escolhem o Rio como destino cinematográfico: depois dos cariocas (76,11%), as produtoras que mais filmam na cidade vêm de São Paulo (21,89%).

Pelo Observatório é possível analisar tendências do mercado em relação ao tipo de obra que tem ganhado força no ambiente produtor. Os dados analisados dizem que, em 2022, as séries preponderavam, com mais de 40% das filmagens realizadas no município. Já em 2023, a divisão do cenário está mais equilibrada: em primeiro vêm os longas-metragens, com 26,36% dos sets, em segundo as séries, com 24,88%, e em terceiro as novelas, com 19,40% das filmagens acontecendo na cidade do Rio, segundo dados da Rio Film Commission.

Categoria:

  • 10 de novembro de 2023
  • Marcações: audiovisual Cultura ferramenta Observatório RioFilme

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *