Familiares plantam árvores em homenagem às vítimas da covid

Rosi Masiero


Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade

“Sentimento de acolhimento, de gratidão.” Assim Jorge Alberto de Paula César definiu o que é o Bosque da Memória, em homenagem às vítimas da covid, que foi inaugurado pela Prefeitura de São José dos Campos na manhã deste domingo (17), no Parque da Cidade. Em 2020, ele perdera o pai, Dionísio, falecido por causa da doença.

Durante o evento, familiares e amigos de pessoas vitimadas pela covid plantaram 48 árvores de espécies nativas. O espaço se tornará um local de reflexão e também um símbolo de amor, carinho e solidariedade em tempos difíceis.

“Acho importante essa ação, estávamos feridos por não fazer o velório”, afirmou Márcia Akemi Takeda, que participou do evento em memória do pai dela, Haruo. Viviane Aparecida Gonçalves estava com as irmãs para homenagear a mãe, Evanilda. Muito emocionada, ela disse que a atividade foi a despedida que a família não pôde fazer.

Formado por espécies como ingá, pau-viola, paineira, jequitibá, aroeira, pimenteira e pau-d’alho, o Bosque da Memória fica em uma área próxima ao estacionamento do Cefe (Centro de Formação do Educador). Cada árvore plantada veio com um QR code para facilitar a identificação. Ao longo do tempo, devem ser plantadas cerca de 2 mil mudas.


MAIS NOTÍCIAS

Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *