Férias no Museu recebe 309 pessoas na primeira semana

Avelino Israel


Fundação Cultural Cassiano Ricardo

“Nós fomos todos os dias e ainda levamos alguns amigos dele. Todos adoraram as brincadeiras e aproveitaram muito.” O comentário foi feito ontem por Simone do Nascimento, mãe do pequeno Gustavo Silva, 8 anos, uma das muitas crianças participantes da primeira semana do Férias no Museu.

Simone destaca que, por morar em condomínio, ela sempre leva o filho para brincar no Parque da Cidade, onde fica o Museu do Folclore de São José dos Campos. “Esta programação nas férias é muito boa e participamos dela desde o ano passado. Os monitores são bem atenciosos também.”

Realizada pelo Museu do Folclore, a programação reuniu 309 pessoas (entre crianças e adultos) nos três primeiros dias de atividades (9, 10 e 11). O programa tem mais 9 dias de muitas brincadeiras e diversão até 1º de fevereiro, sempre às terças, quartas e quintas-feiras, das 10h às 16h.

Atividades

O Férias no Museu acontece sempre em janeiro e julho, meses de férias escolares. A programação é voltada para crianças (acompanhadas dos pais ou responsáveis) a partir de 4 anos. Não há necessidade de inscrição prévia. No ano passado, 516 pessoas participaram do programa.

Durante as atividades, as crianças podem utilizar a brinquedoteca do museu e os próprios brinquedos do espaço, que são colocados à disposição na área externa, onde também é possível participar de muitas brincadeiras, jogos de mesa e atividades com tecido, argila, escrita e desenho.

Exposições 

Além dessa programação, as exposições (de longa duração e temporária) e o presépio do museu também estão abertos e podem ser visitados de terça a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados e domingos, das 14h às 17h.

A nova exposição temporária – Chegada das Bandeiras: entre Presépios e Folias – e o presépio do museu ficarão abertos até 28 de janeiro, data em que será realizada a 26ª Chegada das Bandeiras.

Gestão

O Museu do Folclore é um espaço da Fundação Cultural Cassiano Ricardo e funciona desde 1997 no Parque da Cidade. A gestão é feita pelo CECP (Centro de Estudos da Cultura Popular), organização da sociedade civil sem fins lucrativos.

Museu


MAIS NOTÍCIAS

Fundação Cultural Cassiano Ricardo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *