Empreendimentos imobiliários em Sorocaba têm investimento de R$ 400 milhões e geração de mais de mil empregos – Noticias

Fotos: Michelle Alves – Secom

Por: Évelyn Azevedo

Sorocaba segue crescendo no setor imobiliário com altos investimentos e oportunidades de empregos. Nesta quinta-feira (8), a construtora Patriani anunciou à Prefeitura de Sorocaba, durante reunião no Paço Municipal, o investimento de até R$ 400 milhões em dois empreendimentos imobiliários localizados no Campolim, zona sul da cidade. As obras, uma já concluída e outra em andamento, proporcionaram geração de aproximadamente 1.500 empregos entre diretos e indiretos.

Um dos prédios, com previsão de entrega para agosto deste ano, contará com a chamada “fazenda solar”, tecnologia instalada na cobertura composta por painéis solares que captam a luz do sol e convertem em energia elétrica. Segundo a construtora, a novidade será responsável por 50% da energia utilizada na área comum do residencial.

Já o segundo residencial, que teve as obras finalizadas em janeiro deste ano, é o primeiro da cidade com a disposição de tomadas para carregamento de carros elétricos, implantadas em todas as vagas de estacionamento. Além disso, seguindo a mesma linha de energia renovável, o edifício conta com a “árvore solar”, cumprindo o mesmo objetivo em alimentar as áreas comuns, mas fixada como parte da própria decoração.

Segundo estudo do Sindicado das Empresas de Compra, Venda, Locação ou Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo (Secovi-SP), divulgado em dezembro de 2023, Sorocaba liderou o ranking de imóveis lançados entre cidades do interior paulista no terceiro trimestre do mesmo ano. Foram 1.022 novos imóveis lançados neste período, superando, inclusive, o município de Campinas, ficando à frente de 31 municípios paulistas de igual ou maior porte, exceto da capital, sendo eles: São José dos Campos, que lançou 923 unidades; seguida de Campinas (746); Araraquara (600); São Bernardo do Campo (600); São José do Rio Preto (448); Indaiatuba (424); Santo André (408); Osasco (334) e Praia Grande (293).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *