Nova Iguaçu tem baixa procura para imunização contra dengue

Nova Iguaçu tem baixa procura para imunização contra dengue

 

Uma semana após o início da campanha de vacinação contra a dengue, a procura aos postos de saúde que disponibilizam o imunizante em Nova Iguaçu tem sido baixa. Até o momento, apenas 1.864 doses foram aplicadas, o que representa quase 10% do quantitativo de vacinas entregues pela Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, que foi de 20.300 frascos.

 

Para tentar atrair o público-alvo nesta primeira fase, que são crianças de 10 a 11 anos, a Secretaria Municipal de Saúde de Nova Iguaçu (SEMUS), ampliou o número de salas de vacina. Em toda cidade, 11 postos estão funcionando das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira, sendo três também aos sábados e dois no domingo, para que pais e responsáveis tenham mais opções de locais para levarem os menores.

 

“Não somente em Nova Iguaçu que está ocorrendo essa baixa procura, mas no Estado inteiro. Importante que as pessoas se conscientizem que os cuidados de proteção para evitar a dengue, incluem também a vacina, que está aí, disponível pelo SUS, totalmente confiável”, alerta o médico e secretário de Saúde, Luiz Carlos Nobre Cavalcanti.

 

A imunização contra a dengue está sendo feita em duas doses, com intervalo de três meses entre elas. A vacina é segura e aprovada pela Anvisa, e protege contra os quatro sorotipos da dengue. Crianças que tiveram o vírus da dengue há menos de seis meses devem esperar para receber a vacina. A aplicação da vacina não é permitida para gestantes, lactantes e indivíduos que já receberam a vacina contra a Tríplice Viral e Febre Amarela com menos de 30 dias. É obrigatório estar acompanhado do responsável e apresentar o Cartão de Vacinação, CPF do menor e Cartão do SUS.

 

O estudante Felipe Cardoso Pimenta, de 11 anos, já garantiu sua primeira dose da vacina. “Nem doí, foi tão rapidinho. Vou incentivar todos meus amigos a tomarem também”, afirma.

 

No município, os postos de vacinação contra a dengue são os seguintes:

 

Segunda a sexta-feira:

Policlínica Ambaí, das 8h às 16h – Henrique Duque Estrada Maya, nº 3357, Ambaí;

Policlínica Emília Gomes, das 8h às 16h – Estrada dos Quartéis, 221 – Comendador Soares;

Policlínica Vila de Cava, das 8h às 16h – Rua Tenente Álvaro Gonçalves, nº 103 – Vila De Cava;

Policlínica Austin, das 8h às 16h – Rua Coronel Monteiro de Barros, nº 783 – Austin;

Policlínica Jardim Paraíso, das 8h às 16h – Rua Ingá, s/nº – Jardim Guandu;

Policlínica Miguel Couto, das 8h às 16h – Rua Digomar Simões e Souza s/nº – Miguel Couto;

Policlínica Cabuçu, das 8h às 16h – Avenida Abílio Augusto Távora, nº 6.820 – Cabuçu;

Policlínica Tinguá, das 8h às 16h – Rua Tenente Álvaro Gonçalves, nº 103 – Vila De Cava;

Centro de Saúde Vasco Barcelos, das 8h às 16h – Rua Bernardino de Mello, nº 1.825 – Centro;

Drive-thru do Top Shopping, das 8h às 16h – G3 – Av. Gov. Roberto Silveira, 540 – Centro, Nova Iguaçu;

Policlínica Shopping de Nova Iguaçu, das 8h às 20h – 2° andar – Avenida Abílio Augusto Távora, nº 1111 – Luz.

 

Sábados:

Centro de Saúde Vasco Barcelos, das 8h às 16h;

Drive-Thru Top Shopping, das 8h às 16h;

Policlínica Shopping de Nova Iguaçu, das 8h às 20h.

 

Domingos:

Centro de Saúde Vasco Barcelos, das 8h às 16h;Policlínica Shopping de Nova Iguaçu, das 8h às 20h.

Policlínica Shopping de Nova Iguaçu, das 8h às 20h.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *